Se logger

Se connecter

Bienvenue sur le site

En vous identifiant, nous pourrez devenir rédacteur pour proposer des articles, et discuter dans les forums de Une saison en Guyane…

Identifiant

Mot de passe

Se souvenir de moi

S’enregistrer

Bienvenue sur la zone d’enregistrement du site web de Une saison en Guyane ! si vous êtes déjà inscrit, vous pouvez vous identifier ici. Si vous ne l’êtes pas encore, inscrivez vous et accédez aux forums, et partagez vos découvertes avec nous !

Vous pourrez réagir aux articles, participer au forum. Cela vous permettra aussi de proposer de nouveaux articles, aux brèves et de partagez vos plus belle photos !

Nom obligatoire

Email obligatoire


Uma senha será enviada para seu email.

Mot de passe perdu

Vous ne retrouvez plus votre mot de passe ou votre identifiant de connexion ? Entrez votre adresse email ou votre identifiant…

Mot de passe oublié

Proposer un contenu
Les articles de la rubrique "Fauna"
Se entre o homem a discussão permanece em aberto, para o bugio vermelho o assunto parece encerrado: a essência precede a existência. Sua personalidade e sua natureza profunda são assim, o bugio vermelho é um macaco tranquilo. Nós gostamos de pensar que uma parte de livre arbítrio dirige nossos atos e,...
quinta-feira1 novembro2012
PorTanguy DEVILLE et Guillaume FEUILLET

23 DE JANEIRO DE 2010, 9h00 A.M., MONTANHA DE KAW Dois voluntários da associação GEPOG (Grupo de Estudo e de Proteção das Aves da Guiana Francesa) escorregam em uma ravina e descem rumo a imensos pântanos da planície Angélique. As chuvas torrenciais são abundantes nesse início de estação das chuvas. Estamos...
segunda-feira22 outubro2012
PorThomas Luglia - GEPOG

Algumas espécies animais suscitam o interesse do grande público, muito além do círculo de naturalistas fervorosos. Esses animais carismáticos são numerosos: nós podemos sem engano citar os mamíferos marinhos, os ursos, lobos, grandes felinos, tartarugas marinhas, a grande fauna africana e muitos outros. Comoventes, assustadoras, impressionantes, essas espécies despertam nossos...
segunda-feira22 outubro2012
PorGuillaume Feuillet – Association Kwata

14 outubro 2012 0
O BOATO Montanha de Kaw, início da estação das chuvas. Chove sem parar. Um céu uniformemente cinza despeja massas de água sobre a floresta, embebendo a massa vegetal até o coração. Os galhos das árvores se tornam mais pesados chegando às vezes a se romperem, e o momento tão esperado chega...
domingo14 outubro2012
PorThierry Montford

14 outubro 2012 0
As aranhas não são insetos e sim aracnídeos: elas são dotadas, não apenas de 6 e sim de 8 patas, e são desprovidas de antenas e também de asas. "Menos mal" dirão alguns de vocês, pois eu já ia dizer: elas estão entre os animais de pior reputação. Entretanto na...
domingo14 outubro2012
PorGwenael Quenette

« Elas parecem ter saído da pré-histórica!” Os observadores impressionados de tartarugas marinhas nas praias da Guiana Francesa não imaginam o quanto isso é verdade :  as primeiras formas de tartarugas marinhas apareceram no Cretáceo inferior, há mais de 120 milhões de anos (MA). E a anatomia de alguns fósseis encontrados,...
terça-feira2 outubro2012
Na Amazônia, a floração das árvores é geralmente anual e frequentemente muito precisa no tempo. De um ano para outro, ela se produz na mesma época, e o conjunto das árvores de uma mesma espécie e de uma mesma população florescem ao mesmo tempo. A polinização das flores pode ser...
terça-feira2 outubro2012
PorTanguy Deville

Emblemático da floresta guianesa, o kwata é um dos maiores macacos do platô das Guianas. Mas as exigências ecológicas e as características biológicas da espécie fazem desse primata um animal particularmente sensível às pressões do homem. Na Guiana Francesa, extinções locais já foram constatadas. Advertido por uma série de “ How!...
sábado25 agosto2012
O CHARCO DOS JACARÉS Desde o estuário do Amazonas no Brasil até a península de Caiena na Guiana Francesa, um conjunto de importantes áreas úmidas ocupa, por trás dos manguezais, depressões formadas nos depósitos  aluvionares marinhos de origem amazônica. Elas formam uma sucessão de ecossistemas aquáticos (brejos) caracterizados pelo povoamento de espécies...
sábado25 agosto2012
PorMathieu Luglia, Eric Vidal, Daniel Guiral – Institut Méditerranéen d’Ecologie et de Paléoécologie, Thomas Luglia - GEPOG